Data de publicação: 09-07-2019 17:32:00 - Última alteração: 09-07-2019 17:32:37

Brumadinho: Vale é condenada a pagar danos por rompimento de barragem

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação
 
Agência Brasil
 
A Justiça de Minas Gerais condenou nesta terça-feira (9) a mineradora Vale ao pagamento de todos os danos causados pelo rompimento da barragem de rejeitos da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. Esta é a primeira condenação da empresa nos processos envolvendo a tragédia, ocorrida em janeiro deste ano.
 
A decisão foi proferida pelo juiz Elton Pupo Nogueira, da 6ª Vara da Fazenda Pública de Belo Horizonte. O valor do dano que deverá ser pago pela Vale não foi fixado. Segundo o magistrado, as consequências do rompimento da barragem ainda estão sendo avaliadas, no entanto, o bloqueio cautelar de R$ 11 bilhões da mineradora foi mantido para garantir a indenização.
 
De acordo com o Corpo de Bombeiros, 247 pessoas morreram e 23 continuam desaparecidas devido ao rompimento da estrutura.
 
No processo, conforme informado pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais, a Vale disse que está realizando um amplo estudo para avaliar todos os impactos do desastre.
Comentários

Charge


Flagrante


Boca no Trombone


Guia Comercial


Enquetes


Previsão do Tempo


Siga-nos:

Endereço: Av. Cardeal Eugênio Pacelli, 1996, Cidade Industrial
Contagem / MG - CEP: 32210-003
Telefone: (31) 2559-3888
E-mail: redacao@diariodecontagem.com.br