Data de publicação: 27-05-2022 00:45:00

Fiocruz coordena a maior rede de bancos de leite humano do mundo

Academia Equilíbrio Funcional
Fotos: Fernando Frazão/Agência Brasil

A Fundação Oswaldo Cruz completou 122 anos e comemorou com o Banco de Leite Humano do Instituto Fernandes Figueira, que coletou mais de 54 mil litros de leite no primeiro trimestre de 2022. Em Contagem, o Posto de Coleta de Leite Humano no Centro Materno Infantil, continua com a coleta em domicílio.

Fundada em 1900, pelo médico, bacteriologista, epidemiologista e sanitarista brasileiro, Oswaldo Gonçalves Cruz, a Fiocruz, se tornou pioneira nos estudos das moléstias tropicais e da medicina experimental no Brasil.

O leite humano coletado pelos bancos, serve para alimentar recém-nascidos que estão internados em unidades de terapia intensiva (UTIs) neonatais. Mas antes, o leite coletado é analisado em laboratório para verificar os níveis de acidez, gordura e calorias, e  depois é pasteurizado para evitar a contaminação. 

De acordo com o Ministério da Saúde, em todos os estados do Brasil e no Distrito Federal, existe pelo menos uma unidade de banco de leite. Segundo a coordenadora do banco de leite humano, Danielle Silva, os 54 mil litros de leite coletados no primeiro trimestre deste ano, beneficiaram cerca de 60 mil bebês.

“O leite é o melhor alimento que existe para um recém-nascido. Quando o bebê está na UTI neonatal, a mãe não pode amamentar. Por isso se torna tão importante a doação, os médicos usam este leite para alimentar essas crianças”, explicou.

Orientações

O Instituto Fernandes Figueira, que integra a rede Fiocruz, desenvolve diversos projetos para orientar as mulheres sobre a maneira correta de amamentar, para evitar que o aleitamento materno seja interrompido de forma precoce.

“A informação é fundamental porque muitas vezes a mulher deixa de amamentar por falta de conhecimento. Aqui no instituto nós ensinamos a maneira correta de amamentar e, com isso, as mães não interrompem precocemente este processo, que é fundamental para o desenvolvimento da criança”, finalizou a coordenadora do Banco de Leite Humano do Instituto Fernandes Figueira, Danielle Silva.


Posto de Coleta de Leite Humano no Centro Materno Infantil em Contagem

Em Contagem, há um Posto de Coleta de Leite Humano (PCLH), unidade que faz parte da Rede Global de Bancos de Leite Humano (rBLH). Todo o leite arrecadado é encaminhado para o Banco de Leite Humano Augusta Resende Barbosa, em Betim, para análise, pasteurização e distribuição.

Depois de pasteurizado, o leite humano volta para o Centro Materno Infantil - CMI de Contagem e é distribuído para os recém-nascidos da Unidade Neonatal, crianças que ainda não conseguem mamar e/ou que a mãe ainda não tem leite para ser extraído para ser oferecido ao bebe.

O CMI é responsável por captar mulheres lactantes em boas condições de saúde dispostas a fazer a doação e também em distribuir o leite aos recém-nascidos internados no CTI neonatal.

A técnica de enfermagem do PCLH, Suely Vieira Pereira, faz a coleta  em domicílio do leite colhido e congelado pela própria mãe, nas manhãs de segunda a quinta-feira.

Serviço:

Posto de Coleta Copo de Leite - Maternidade Municipal de Contagem

Av. João César de Oliveira, 4.495 Cinco
As interessadas em fazer a doação de leite podem ligar e se cadastrar pelo telefone 3363-5300, ramal 249.
Horário funcionamento: segunda a sexta-feira - manhã: de 7 às às 17h


Hospital de Infectologia Evandro Chagas também integra a rede Fiocruz

Inaugurado em 1918, o Hospital do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas era chamado na época de Hospital de Doenças Tropicais. A construção fez parte do projeto de reformulação da saúde pública brasileira elaborado por Oswaldo Cruz.

No início do século, a unidade de saúde tinha um papel estratégico para tratar pacientes com diversas doenças infecciosas, recebeu pessoas com a doença de Chagas e foi um centro de referência durante a gripe espanhola.

Em 1925, o médico Evandro Chagas começou a trabalhar no Hospital de Doenças Tropicais e desenvolveu diversos estudos para descobrir a cura para a doença de Chagas e pesquisas para reduzir as doenças transmitidas por insetos nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, principalmente. 

Infelizmente, o médico Evandro Chagas morreu em um acidente aéreo em 1940, e o hospital recebeu o nome dele para homenagear o profissional dedicado.

Atualmente, o Hospital do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, trata doenças infecciosas como aids, tuberculose, dengue, zika e chikungunya. Segundo a diretora do Instituto Valdiléa Veloso, a atenção principal é para as chamadas doenças negligenciadas que atingem uma população mais pobre.

“A rede privada investe poucos recursos para tratar estas doenças, por isso o trabalho do Instituto é fundamental para oferecer um tratamento gratuito e de qualidade para uma população que enfrenta dificuldades financeiras”, justificou.
Comentários

Charge


Flagrante


Boca no Trombone


Guia Comercial


Enquetes


Previsão do Tempo


Siga-nos:

Endereço: Av. Cardeal Eugênio Pacelli, 1996, Cidade Industrial
Contagem / MG - CEP: 32210-003
Telefone: (31) 2559-3888
E-mail: redacao@diariodecontagem.com.br