Data de publicação: 20-08-2008 00:00:00

Alterações no trânsito geram polêmica.

Itau Power Shopping

Foto: Divulgação 

Desde fevereiro deste ano, a avenida Rio São Francisco, no bairro Novo Riacho, passou a ser a principal via de trânsito de veículos pesados da região. A mudança é conseqüência da alteração do sentido da rua Rio Comprido, que agora é mão única.

Moradores e lideranças comunitárias temem que acidentes graves possam acontecer. O vereador Avair Salvador de Carvalho, presidente da Câmara Municipal e morador do bairro, apresentou um requerimento na Plenária solicitando a adequação do entorno da praça José Carlos de Moura, na confluência da Rio Comprido com Rio São Francisco.

Grande parte dos caminhões que circulam na região transporta cargas. “A curva é muito fechada e puxa os veículos. Há pouco tempo, uma carreta espalhou chapas de aço pela rua. Antes, uma bobina de aço caiu de um caminhão e só parou quando bateu em um veículo estacionado a uns 100 metros adiante”, diz o vereador.

Preocupação

O requerimento solicita, também, que seja instalado um redutor eletrônico de velocidade na avenida Rio São Francisco e a implantação de semáforo no cruzamento da avenida Cantagalo com São Francisco.

A avenida Rio São Francisco é uma das principais do bairro e dá acesso a diversas escolas. “Os carros estão passando com velocidade superior a 80 km/h. Será que eles vão esperar alguma morte para agir?”, questiona um morador.

 

Comentários

Charge


Flagrante


Boca no Trombone


Guia Comercial


Enquetes


Previsão do Tempo


Siga-nos:

Endereço: Av. Cardeal Eugênio Pacelli, 1996, Cidade Industrial
Contagem / MG - CEP: 32210-003
Telefone: (31) 2559-3888
E-mail: redacao@diariodecontagem.com.br