Data de publicação: 27-04-2009 00:00:00

Padre Fábio de Melo faz show em Contagem

Vereador Gustavo Gibson

Foto: Geraldo Tadeu

O primeiro secretário da Câmara Municipal de Contagem criticou o projeto que prevê a criação de 45 novas funções gratificadas na Funec, o que provocaria um impacto de R$600 mil/ano no Orçamento Municipal.

A proposta foi apresentada na reunião plenária do dia 14.04. Gibson afirmou que vai sugerir à prefeita Marília Campos que tais recursos sejam utilizados para atender os funcionários da Educação, de modo geral.

Segundo o vereador, não justifica aumentar o número de funções gratificadas de uma instituição que pode acabar.

“Acho inadmissível a possibilidade de redução de unidades da Funec e lutarei contra esta hipótese, mas, se isto ocorrer, temos é que pensar em diminuição de seus quadros funcionais, com remanejamento dos funcionários para outras áreas e nunca em aumentar o número de ‘chefias’”.

Ainda de acordo com Gibson, a prioridade deveria ser dada aos funcionários que dependem do salário mínimo, como os agentes de Saúde e de Endemia.

Fonte: Assessoria Gustavo Gibson
 

Comentários

Charge


Flagrante


Boca no Trombone


Guia Comercial


Enquetes


Previsão do Tempo


Siga-nos:

Endereço: Av. Cardeal Eugênio Pacelli, 1996, Cidade Industrial
Contagem / MG - CEP: 32210-003
Telefone: (31) 2559-3888
E-mail: redacao@diariodecontagem.com.br