Data de publicação: 29-07-2010 00:00:00

Os vilões do inverno

Contabilidade Eldorado

Durante os meses de junho a setembro, época em que os termômetros registram queda nas temperaturas, é comum surgirem mais casos de doenças respiratórias, como gripes e resfriados, principalmente.

Os principais sintomas são febre, tosse e nariz entupido. O Ministério da Saúde alerta para o risco da automedicação e para a importância de procurar um médico para que seja realizado o tratamento correto.

Merecem ainda mais atenção os idosos, pacientes com diabetes, hipertensão, baixa imunidade ou que sofreram transplante, assim como crianças de seis meses a menores de cinco anos.

A gripe se espalha através das pessoas contaminadas, que expelem pequenas gotas de saliva através da fala, da tosse e do espirro. Quem tiver contato com esta saliva, tem grandes chances de ficar gripado. Outra forma de contágio é quando alguém coloca a mão em algum objeto com estas gotas de saliva.

Resfriado é diferente de gripe. Embora parecidos com os da gripe, os sintomas do resfriado são mais brandos e duram menos tempo; a febre é menos comum e, quando aparece, é baixa (até 37 graus).

Higiene

Atos simples ajudam muito na prevenção. Lavar as mãos regularmente com água e sabão ou álcool gel 70% é um exemplo.

A preocupação com o hábito de lavar as mãos se difundiu mais na população depois da epidemia de gripe H1N1, no ano passado, mas este procedimento pode evitar também outras doenças, como o resfriado.

Comentários

Charge


Flagrante


Boca no Trombone


Guia Comercial


Enquetes


Previsão do Tempo


Siga-nos:

Endereço: Av. Cardeal Eugênio Pacelli, 1996, Cidade Industrial
Contagem / MG - CEP: 32210-003
Telefone: (31) 2559-3888
E-mail: redacao@diariodecontagem.com.br